Inovação para gerar negócios

Kotler, em seu livro “A bíblia da inovação” afirma que durante anos, a inovação foi sinônimo de inovação tecnológica, assim envolvendo principalmente o departamento de P&D e, sobre tudo, os engenheiros. Hoje sabemos que esta é uma visão extremamente limitada sobre inovação e quais são suas fontes.

oculos google
Google Glass

Já discutimos isso em outros artigos, mas reforço: a principal fonte de inovação é o cliente. Ele é quem diz o que precisa, se vai comprar e quanto está disposto a pagar!

Para quem mesmo assim acredita que inovação só acontece quando um produto incrível é descoberto, conto-lhes o exemplo da empresa Local Motors.

A Local Motors é uma empresa que combina co-criação e micro-fabricação para trazer inovações de hardware para o mercado a uma velocidade sem precedentes. Entenda por hardware os carros, bicicletas e outros veículos.

carro local motors
Rally Fighter – Local Motors

E não, não foram eles que desenvolveram o carro do Google! Na verdade, a inovação da Local Motors está na forma como criam o carro e não no carro em si! Vou explicar:

A empresa desenvolve seus veículos de forma co-criada, ou seja, os engenheiros, designers e makers se juntam em uma comunidade para “discutir” o que será este veículo; como será seu designer, quais peças usar, etc.

Geralmente a equipe da Local Motors diz o objetivo geral do veículo e o chassi base, o resto todo fica com a comunidade. É claro que ao longo da discussão desta comunidade, os mediadores da empresa vão mostrando os prós e contras de cada uma das peças sugeridas, designers e pontos levantados na discussão.

Esta comunidade é formada pelos pré compradores do veículo, ou seja, você auxilia no desenvolvimento e criação do seu próprio carro.

clienteNo final das discussões, com o projeto completo, basta o carro ir para a linha de montagem. Cada cliente busca o seu carro na fábrica e ainda pode auxiliar na montagem do mesmo.

Não preciso dizer que a empresa não vende muitos carros por ano, como acontece com uma Ford, Fiat… porém, ela também não tem os mesmos custos que estas tem; pois apesar de ser altamente inovadora, sua fábrica é pequena (micro-fabricação), não possuem um grande número de engenheiros, designers, etc; ou seja, não têm funcionários caros! Na verdade, tem alguns poucos mediadores que atendem a um grande número de engenheiros e designers que estão na comunidade!

Os resultados: atualmente a empresa está desenvolvendo um carro impresso em 3-D. No passado foi uma das primeiras a desenvolver um carro elétrico e em tempo recorde: 2 meses!

Assim, precisamos deixar de lado a ideia de que só inova quem tem muito dinheiro… é muito grande… e só vale inovação disruptiva! Este exemplo prova que até para desenvolver um carro (que é só um carro) há como inovar muito mais do que apenas trocar as peças analógicas por digitais e inserir sinal de Internet no painel do veículo.

Fica a dica: INOVEM FORA DA CAIXA! OUÇAM SEUS CLIENTES!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *